Futuro de Rogério Ceni


O futuro de Rogério Ceni ninguém sabe. Mas Muricy Ramalho, aos 45 minutos do segundo tempo, aumentou ainda mais a pressão na campanha para que o camisa 1 estique por mais uma temporada a sua permanência nos gramados. Logo após a derrota nos pênaltis para o Atlético Nacional, goleiro e treinador se encontraram no vestiário e Muricy falou tudo o que tinha vontade. Deixou claro que, além de viver grande momento técnico, o arqueiro tem a oportunidade de, ano que vem, buscar o que não conquistou no Morumbi na noite de quarta-feira.

- Eu não vou falar aqui o que conversamos. Mas vocês me conhecem e sabem o que eu penso. É mais ou menos isso (de falar que ele tem nova chance de título e que, por isso, deveria ficar). Todo mundo sabe o que ele representa e o que vem jogando. Espero que ele pense no que falei - afirmou o treinador.

Como restam duas partidas para o término da temporada, é preciso que o assunto seja definido em no máximo dois dias. Isso porque no domingo o time enfrenta o Figueirense, em casa e, caso o camisa 1 resolva parar, será seu último jogo no Morumbi, o que exigiria ações do departamento de marketing e de comunicação. Vale lembrar que, no final de semana, já será a última apresentação de Kaká no estádio, já que o meia se apresentará ao Orlando City em janeiro.


Fonte: globoesporte.globo.com