Movimentos por moradia ocupam imóveis em São Paulo


O movimento Frente de Luta por Moradia (FLM) fez uma série de ocupações entre a noite de domingo e a madrugada desta segunda-feira, em todas as regiões da cidade. O movimento diz que 16 imóveis foram ocupados, mas a Polícia Militar confirma apenas nove.

A maior parte das ações do movimento foi no Centro da capital paulista. Segundo a PM, pouco depois de meia noite, pessoas ligadas ao FLM entraram em prédios particulares nas ruas José Bonifácio, Líbero Badaró, XV de Novembro, Consolação, Augusta, Conselheiro Crispiniano e Coronel Xavier de Toledo, na região central de São Paulo.

Os militantes dizem que os prédios ocupados estavam vazios, alguns com dívidas e até mesmo penhorados.

No entanto, o empresário Sergio Garcia se apresentou como dono de um prédio invadido por cerca de 200 famílias na Rua Conselheiro Furtado, na Liberdade. Ele disse que mora no local, onde também funciona uma tapeçaria. Segundo Sergio, a tapeçaria teria ficado destruída.


Fonte: g1.globo.com